Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
6

Bate recorde de prancha abdominal mesmo com dores crónicas

Exemplo de superação na Austrália.
Correio da Manhã 14 de Setembro de 2021 às 00:15
Bate recorde de prancha abdominal mesmo com dores crónicas
Bate recorde de prancha abdominal mesmo com dores crónicas FOTO: Direitos Reservados
Nove horas, 30 minutos e um segundo. Foi quanto tempo o australiano Daniel Scali, de 28 anos, manteve uma posição de prancha abdominal para estabelecer um novo recorde do Guinness.

O mais extraordinário é que o recordista tem uma dor crónica no braço esquerdo desde os 12 anos, quando fraturou um braço.

"As dores não estão a mudar, mas a minha atitude em relação à dor sim", disse Scali, que só fez a primeira prancha em 2020 e aguentou dois minutos.
Daniel Scali Guinness desporto