Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
4

Pastor evangélico diz que "Jesus ainda não voltou" porque fiéis não dão dinheiro suficiente à igreja

Religioso acusado de ser um "vendedor de banha da cobra" nas redes sociais.
Correio da Manhã 24 de Setembro de 2021 às 17:13
Jesse Duplantis está no cerne da polémica
Jesse Duplantis está no cerne da polémica FOTO: Direitos Reservados

O pastor evangélico norte-americano Jesse Duplantis está no centro de uma grande polémica após ter dito, durante uma angariação de fundos via telefone e transmitida no canal evangélico Victory, que a razão de Jesus "ainda não ter voltado" está relacionada com o facto de os fiéis não doarem o suficiente às respetivas igrejas.

"Honestamente, eu acredito nisto. A razão pela qual  Jesus ainda não voltou é porque as pessoas não estam a doar [dinheiro] da forma que Deus disse para darem. Quando perceberem isto, poderão acelerar a Sua vinda", argumentou em direto o religioso durante a Victorython, uma espécie de maratona de angariação de fundos, na televisão, em que os fiéis ligam durante um programa para fazerem donativos à Igreja Evangélica norte-americana.

Mais a frente, o pastor acaba por apontar para o número de telefone que está no fundo do ecrã, através do qual são recebidos os donativos, e vai mais longe: "Se as pessoas ligarem para este número e puserem esta ‘vitória’ por todo o Mundo, usarem todas as vozes, usarem todas as linhas [telefónicas], Deus Pai vai dizer ‘Jesus, vai-te a eles’.

Jesse Duplantis está a ser duramente criticado nas redes sociais e acusado de ser "um vendedor de banha da cobra" e "a razão pela qual as pessoas se afastam de Deus e das igrejas".

Jesus Jesse Duplantis Victory Deus religião política questões sociais liberdade religiosa