Barra Cofina

Correio da Manhã

Especiais
2

PAN diz que Programa de Recuperação e Resiliência deve ser "bazuca humanitária"

Inês de Sousa Real disse também que Governo e autarquias "têm de fazer mais" no acolhimento de refugiados.
Lusa 22 de Setembro de 2021 às 14:18
Inês de Sousa Real
Inês de Sousa Real FOTO: Facebook
A porta-voz do PAN, Inês de Sousa Real, disse esta quarta-feira que Governo e autarquias "têm de fazer mais" no acolhimento de refugiados e defendeu que o Programa de Recuperação e Resiliência (PRR) seja uma "bazuca humanitária".

"Precisamos que esta oportunidade que aí vem da dita bazuca europeia seja, acima de tudo, uma bazuca humanitária", disse Inês de Sousa Real, justificando que "não faz sentido" que nas cidades portuguesas "continuem a viver pessoas em contexto de pobreza".

A porta-voz do PAN, que falava em Lisboa, depois de ter conhecido um refugiado e o filho de seis meses, no âmbito de uma iniciativa de campanha das autárquicas do próximo domingo, lembrou que o Orçamento do Estado de 2022, que o partido tem estado a negociar com o Governo, tem de estar "profundamente alinhado com o PRR", pelo que é "fundamental que também dê resposta a estas problemáticas sociais e de integração da comunidade de refugiados".

PAN Governo PRR Inês de Sousa Real política refugiados
Ver comentários