Barra Cofina

Correio da Manhã

Especiais
2

Homem detido na Rússia após disparar em centro de recrutamento para a guerra

Comandante encarregue da mobilização local foi atingido.
Correio da Manhã 26 de Setembro de 2022 às 08:40
A carregar o vídeo ...
Vídeo mostra atirador a disparar em centro de recrutamento na Rússia
Um homem russo foi detido após abrir fogo num centro de recrutamento para a guerra na Ucrânia esta segunda-feira na cidade de Ust-Ilimsk, na região de Irkutsk, Rússia. O comandante encarregue da mobilização local foi atingido.

O atirador, que num vídeo publicado nos meios de comunicação social é visto a identificar-se aos agentes policiais como Ruslan Zinin, de 25 anos de idade. Um vídeo separado do tiroteio mostra-o a disparar pelo menos um tiro dentro do centro.

O governador da região de Irkutsk, Igor Kobzev, escreveu na aplicação de mensagens Telegram, citado pela Reuters, que o comandante encarregue da mobilização local foi atingido e estava no hospital em estado crítico. O atirador detido "será absolutamente castigado", referiu ainda.

Vários centros de recrutamento foram atacados desde que o presidente russo Vladimir Putin declarou uma mobilização parcial na quarta-feira passada.

Os protestos contra a mobilizaçao aconteceram durante o fim-de-semana no Daguestão e na Yakutia.
Ust-Ilimsk Irkutsk Rússia política
Ver comentários