Barra Cofina

Correio da Manhã

Eu Repórter CM
5

Mudança de paragem da Carris deixa utentes sem abrigo

A paragem dos autocarros 18 e 42, na Av. Duque de Ávila, em Lisboa, mudou de sítio, situando-se agora em frente ao quartel. A Carris fez esta mudança, mas esqueceu-se de colocar o abrigo e quando chove, como aconteceu na semana passada, quem espera pelo autocarro fica ensopado.
10 de Abril de 2006 às 00:00
Mudança de paragem da Carris deixa utentes sem abrigo
Mudança de paragem da Carris deixa utentes sem abrigo
Devido ao facto de se situar mesmo junto à estrada, esta paragem tem ainda outro problema: quando os automobilistas passam com mais velocidade quem espera pelo autocarro fica molhado devido às poças de água.
Alice Ferreira, Lisboa
RESPOSTA
Esta mudança deve-se às obras de construção da Estação S. Sebastião II, do Metropolitano de Lisboa. O abrigo irá ser instalado brevemente. Os abrigos são da responsabilidade da Câmara Municipal de Lisboa por intermédio dos seus concessionários, a quem já foi pedida a referida deslocação.
A localização da paragem é provisória enquanto decorrem as obras da estação do Metropolitano, não estando a Carris em condições de indicar data respectiva.
Relativamente às poças de água, trata-se de drenagem deficiente das águas pluviais. A Carris já solicitou ao Metropolitano a respectiva correcção.
Luís Vale, Secretário Geral da Carris
Ver comentários