Barra Cofina

Correio da Manhã

Eu Repórter CM
8

Placas soltas na estação das Mercês

Na estação de comboios nas Mercês (Linha de Sintra) deparamos com várias placas soltas na estrutura metálica, colocando em perigo quem ali circula.
6 de Outubro de 2008 às 00:30
Placas soltas na estação das Mercês
Placas soltas na estação das Mercês

A estrutura metálica está cheia de ferrugem e aos poucos começa a ceder. Esta situação arrasta--se há três anos e não se vê ninguém tomar medidas.E se um dia ocorrer um acidente?

Paulo Firmino , Tapada das Mercês

RESPOSTA

A situação referida deve-se a sucessivos embates provocados por veículos pesados que, ao circularem junto ao edifício da estação das Mercês, acabam por embater nas chapas do contorno da cobertura das lojas. Contudo, após cada um dos acidentes, as chapas soltas foram imediatamente retiradas, não constituindo a situação actual qualquer perigo. A CP Lisboa vai providenciar em breve a retirada da restante estrutura que tem apenas uma função decorativa. A Unidade está a estudar uma solução alternativa mais simples do que a actual e que, sobretudo, possa responder melhor à circulação menos cautelosa de pesados na zona.

Gabinete de Comunicação da CP

 

 

 

Ver comentários