Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Pelo menos 200 crianças morreram de fome nos hospitais de Tigray, Etiópia

Estudo apresenta um retrato sobre a situação de fome em Tigray, onde as comunicações foram cortadas e que está sujeita a um bloqueio à entrada de ajuda humanitária.
Lusa 17 de Novembro de 2021 às 08:36
Crianças em Tigray, Etiópia
Crianças em Tigray, Etiópia
Cerca de 200 crianças morreram de fome na província de Tigray, norte da Etiópia e cenário de guerra há um ano, segundo um estudo conduzido por médicos e investigadores locais.

O estudo, citado pela agência noticiosa francesa AFP, apresenta um retrato sobre a situação de fome em Tigray, onde as comunicações foram cortadas e que, segundo a ONU, está sujeita a um bloqueio de facto à entrada de ajuda humanitária, resultando em escassez de alimentos e medicamentos.

Para Hagos Godefay, que chefiava os serviços de saúde da província antes da guerra, o balanço de vítimas da situação de fome não é exaustivo, a maioria dos hospitais não funciona e praticamente não se consegue aceder a metade dos distritos da província.

Tigray Etiópia acidentes e desastres fome
Ver comentários