Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

117 milhões de alunos continuam sem aulas devido à pandemia, diz Unesco

"Quanto mais tempo estiverem encerradas, mais graves e irreversíveis são as consequências" para as crianças, afirmou Stefania Giannini.
Lusa 17 de Setembro de 2021 às 12:51
Alunos, escola, xxx
Alunos, escola, xxx FOTO: Pedro Noel da Luz
Cerca de 117 milhões de alunos, ou seja, 7,5% da população escolar mundial, permanecem sem aulas devido à pandemia de covid-19, alertou hoje a Unesco, exortando os países a reabrirem as escolas em condições seguras.

"Sabemos que quanto mais tempo permanecerem encerradas as escolas, mais graves e irreversíveis são as consequências para o bem-estar e a aprendizagem das crianças, em particular os mais vulneráveis e marginalizados", declarou, em comunicado, a subdiretora de Educação da Unesco, Stefania Giannini.

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) assinalou que os estabelecimentos de ensino estão a funcionar totalmente em 117 países, representando 539 milhões de alunos desde a instrução primária ao secundário, envolvendo 35% da população escolar mundial.

Unesco educação escolas alunos pandemia covid-19
Ver comentários