Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Plano de reformas sociais de Biden aprovado na Câmara dos Representantes

Aprovação representa uma vitória fundamental antes da análise, que se prevê difícil, do gigantesco plano pelo Senado.
Lusa 19 de Novembro de 2021 às 17:33
Biden assinou os primeiros documentos após tomar posse como presidente dos EUA
Biden assinou os primeiros documentos após tomar posse como presidente dos EUA FOTO: Reuters
O gigantesco plano de reformas sociais do Presidente norte-americano, Joe Biden, foi esta sexta-feira aprovado pela Câmara dos Representantes, no que representou uma vitória fundamental antes da sua análise pelo Senado, que se prevê difícil.

O texto, designado "Build Back Better" ("Reconstruir Melhor", em tradução livre), é um plano social e ambiental de 1.800 mil milhões de dólares (cerca de 1.570 mil milhões de euros), que prevê nomeadamente infantário para todos, créditos fiscais para as famílias norte-americanas e investimentos substanciais para reduzir as emissões de gases com efeito-de-estufa.

Esta votação, na câmara baixa do Congresso dos Estados Unidos, ocorreu três dias após a assinatura pelo Presidente democrata da primeira parte do seu grande plano económico, a sua lei das infraestruturas, o maior programa de obras públicas no país desde que Dwight Eisenhower criou a rede de autoestradas interestaduais, em 1956.

Joe Biden Câmara dos Representantes Presidente Senado economia negócios e finanças
Ver comentários