Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Angola com mais três óbitos e 136 infeções de Covid-19 ultrapassa os 16.000 casos

País já ultrapassou os 16.000 casos.
Lusa 11 de Dezembro de 2020 às 20:36
Coronavírus em Angola
Coronavírus em Angola FOTO: Getty Images
Angola registou 136 novas infeções e mais três óbitos, ultrapassando agora os 16.000 casos, anunciaram hoje as autoridades sanitárias angolanas.

Segundo o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, que fez hoje a atualização de dados, 47 casos foram registados no Cuanza Norte, 39 em Luanda, 25 no Zaire, 19 em Cabinda, três na Luanda Sul, dois em Benguela, um na Huíla e o mesmo número nas províncias do Bengo, Malanje e Luanda Norte.

Trata-se de 83 pacientes do sexo masculino e 53 do sexo feminino, com idades entre 2 e 73 anos.

Há a registar também três mortes, duas em Luanda e uma no Zaire, duas mulheres e um homem de 73, 76 e 78 anos.

Foram consideradas recuperadas da doença pelas autoridades de saúde 119 pessoas.

O país contabilizou 16.061 casos positivos desde o início da pandemia , com 365 óbitos, 8.798 dado como recuperados e 6.898 ativos, dos quais sete em estado crítico.

Nas últimas 24 horas, os laboratórios processaram 3.589 amostras, num cumulativo de 265.482 testes.

Franco Mufinda reiterou que a província de Luanda continua sob cerca sanitária e as entradas e saídas são feitas mediante apresentação de um teste negativo ao SARS-CoV2.

O governante informou igualmente que todos os transportadores de carga interprovincial, nomeadamente combustível, bens alimentares, bebidas e produtos específicos de Natal, como decorações e brinquedos, serão testados gratuitamente nos pontos de entrada e saída de Luanda, enquanto os restantes terão de comparticipar os testes nos locais habituais.

A partir de segunda-feira haverá mais três pontos de testagem: os laboratórios de Viana, na Zona Económica Especial, a Base de Logística na Via Expressa, e a Base Logística LTI no Sequele.

Em África, há 55.265 mortos confirmados em mais de 2,3 milhões de infetados em 55 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia no continente.

Entre os países lusófonos, Angola regista 365 óbitos e 16.061 casos, seguindo-se Moçambique (139 mortos e 16.680 casos), Cabo Verde (110 mortos e 11.262 casos), Guiné Equatorial (85 mortos e 5.183 casos), Guiné-Bissau (44 mortos e 2.444 casos) e São Tomé e Príncipe (17 mortos e 1.005 casos).

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.580.721 mortos, incluindo 5.373 em Portugal, resultantes de mais de 69,5 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Norte Covid-19 Covid-19 Franco Mufinda Luanda Zaire questões sociais política organizações internacionais
Ver comentários