Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Associação de Imprensa condena prisão de jornalistas na Nicarágua, Cuba e Venezuela

Balanço de 2021 indica uma grave e constante deterioração nos três países latino-americanos, tendo redobrado os "ataques" e "intimidações" a jornalistas.
Lusa 23 de Outubro de 2021 às 08:32
Jornalismo
Jornalismo FOTO: Getty Images
A Associação Interamericana de Imprensa (SIP) condenou a "perseguição policial e judicial" e a "prisão" de jornalistas, na Nicarágua, Cuba e Venezuela, bem como os "ataques excessivos" à liberdade de imprensa.

O balanço de 2021 feito pela SIP, na sexta-feira, indica uma grave e constante deterioração naqueles três países latino-americanos, em que o poder político endureceu os seus ataques contra a sociedade civil e a liberdade de imprensa, tendo redobrado os seus "ataques" e "intimidações" a jornalistas.

Em relação a Cuba, a resolução condena a prisão dos jornalistas Lázaro Yuri Valle e Esteban Rodríguez, e do 'youtuber' Yoandi Montiel, e pede a libertação imediata dos três.

Ver comentários