Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Biden ordena revisão da desclassificação de documentos sobre ataques de 11 de setembro

Decisão surge depois de familiares de vítimas dos atentados pedirem investigação à atuação do FBI.
Correio da Manhã 3 de Setembro de 2021 às 22:04
Joe Biden, Presidente dos EUA
Joe Biden, Presidente dos EUA FOTO: CMTV
Joe Biden, presidente dos Estados Unidos da América, ordenou esta sexta-feira revisões de potenciais desclassificações de documentos da investigação feita pelo FBI aos ataques de 11 de setembro de 2001. 

"Quando concorri à presidência fiz um compromisso para garantir transparência quanto à desclassificação dos documentos do 11 de setembro", disse o Presidente americano num comunicado. "Com o aproximar do aniversário dos 20 anos desse dia trágico, estou a honrar esse compromisso", afirmou Biden, citado pela Reuters

No comunicado Biden pede que o procurador geral Merrick Garland torne públicos os documentos de desclassificação nos próximos seis meses. A revisão pode resultar na divulgação de documentos que ainda não tinham sido vistos. 

A decisão surge cerca de um mês depois de familiares de vítimas dos atentados terem pedido ao governo americano que investigasse suspeitas sobre a atuação do FBI. Desconfiam que o departamento mentiu e destruiu provas que ligavam a Arábia Saudita aos sequestradores envolvidos no ataque.

O pedido foi feito através de uma carta dirigida ao inspetor do Departamento de Justiça. Mais de 1600 pessoas afetadas pelos atentados pediam a Biden que libertasse documentos que o governo tinha anteriormente bloqueado. Pouco tempo depois, o Departamento de Justiça anunciou que ia rever a informação relacionada com o 11 de setembro.

Joe Biden política terrorismo investigação
Ver comentários