Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Bolsonaro afasta Ministro do Meio Ambiente do Brasil Ricardo Salles

Governante começou a ser investigado por alegado favorecimento de madeireiros e por dificultar a fiscalização ambiental na Amazónia.
Lusa 23 de Junho de 2021 às 21:47
Ex-Ministro do Meio Ambiente brasileiro, Ricardo Salles
Ex-Ministro do Meio Ambiente brasileiro, Ricardo Salles FOTO: Facebook

O ministro brasileiro do Ambiente, Ricardo Salles, alvo de inúmeras denúncias de irregularidades na área, pediu demissão do cargo no final da tarde desta quarta-feira, 23 de Junho. A demissão foi imediatamente publicada no diário oficial do governo em edição extraordinária.

Radical de extrema-direita e um dos ministros mais próximos ao presidente Jair Bolsonaro, Salles é alvo de várias investigações no Supremo Tribunal Federal por suspeita de participação em crimes ambientais. Ele já foi alvo de operações da Polícia Federal, que num inquérito apresentado àquele tribunal pelo delegado Alexandre Saraiva, demitido um dia depois, o acusou de fazer parte de uma organização criminosa que extrai madeira e outras riquezas da Amazónia e envia para outros países.

Defensor ferrenho da ocupação e exploração económica da Amazónia, Ricardo Salles chegou a intervir pessoalmente para forçar a Polícia Federal a devolver aos madeireiros ilegais a maior apreensão de madeiras nobres já feita no Brasil. Há pouco mais de um mês, a Polícia Federal fez buscas na casa e no escritório de advocacia de Salles, mas ele recusou entregar aos agentes o seu telemóvel, o que só fez dias atrás, mas sem fornecer a senha de acesso.

Apesar de todas as acusações contra o ministro, Jair Bolsonaro recusou demiti-lo e fez repetidas manifestações de apreço por ele. Levou Salles num passeio de mota de cariz eleitoral e ainda na passada segunda-feira classificou o agora já ex-ministro como uma pessoa fantástica, que, disse o presidente, faz um trabalho excepcional no Ambiente.

Jair Bolsonaro Ricardo Salles Presidente Joaquim Alvaro Pereira Leite política partidos e movimentos
Ver comentários