Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Dez mortos e 15 feridos em atropelamento em massa no Canadá

Condutor da carrinha foi detido. Até ao momento não há indicação de feridos portugueses.
23 de Abril de 2018 às 18:59
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
As imagens do terror em Toronto
Dez pessoas morreram e outras 15 ficaram feridas, esta segunda-feira, quando uma carrinha branca embateu contra vários peões em Toronto, no Canadá. O atropelamento ocorreu na interseção da Yonge Street com a Finch Avenue.

Contactada pelo CM, fonte oficial da secretaria de Estado das Comunidades refere que os serviços consulares ainda estão a recolher informação mas que, até ao momento, não há indicação de feridos portugueses.

O alerta foi dado cerca das 13h30 (hora local) - mais cinco em Portugal Continental - altura em que a zona era bastante movimentada devido às pessoas que saíam dos escritórios para almoçar. O condutor do veículo, entretanto detido, terá atropelado as vítimas ao longo de 1,6 quilómetros. A polícia fala em "ato deliberado", mas não confirma, para já, que se tratou de um ataque terrorista.

O suspeito detido chama-se Alek Minassian e tem 25 anos. É natural, de acordo com as primeiras indicações, de Richmond Hill, em Ontário, avança a televisão pública canadiana CBC. Não estaria referenciado como associado a nenhuma organização terrorista.

Testemunhas no local revelaram aos meios de comunicação que viram "corpos cobertos no chão" no local do atropelamento. Já imagens captadas pela CBC mostram várias pessoas a serem socorridas na calçada, nas imediações da saída de uma estação de metro.




Um vídeo amador mostra o atacante, já fora da viatura, a ameaçar um polícia com um objeto que tinha na mão e a gritar "matem-me!" antes de ser detido sem oferecer resistência. 

Já foi confirmado que o veículo usado por este homem pertence à Ryder System Inc., uma empresa de aluguer e leasing de carrinhas para transporte. A firma diz estar totalmente disponível para cooperar com as autoridades canadianas.







As vítimas terão sido atropeladas quando estavam no passeio.

As estações de metro da zona estiveram encerradas enquanto a polícia investiga o local onde ocorreu o atropelamento. As autoridades pediram às pessoas que evitem deslocar-se nesta área da cidade.

O primeiro-ministro Justin Trudeau afirmou que "ainda se está a apurar informação" e que, assim que seja possível, "iremos partilhá-la com os canadianos". 




Em atualização
Toronto Canadá acidentes e desastres
Ver comentários