Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Encontradas botijas de oxigénio no local onde é procurado pai suspeito de matar filhas e atirá-las ao mar em Tenerife

Tomás Gimeno raptou as crianças e terá lançado os corpos à água. Corpo de Olivia já foi encontrado.
Correio da Manhã 24 de Junho de 2021 às 18:27
Navio hidrográfico faz buscas ao largo de Tenerife
Tomás Gimeno
Navio hidrográfico faz buscas ao largo de Tenerife
Tomás Gimeno
Navio hidrográfico faz buscas ao largo de Tenerife
Tomás Gimeno

A tripulação do navio ‘Ángeles Alvariño’ encontrou duas botijas de oxigénio próximas da área onde Tomás Gimeno, o pai suspeito de raptar, matar e atirar os corpos das filhas ao mar, está a ser procurado, na Ilha de Tenerife. A tragédia ocorreu no início do passado mês de maio. O material pertence a Tomás Gimeno, conforme informações das autoridades locais, avança o jornal El Mundo.

O pai de Anna e Olivia praticava mergulho e era comum levar material no seu barco. O número de série daquelas botijas corresponde à que os investigadores encontraram a 7 de junho, no local próximo do lençol encontrado pelas autoridades, em zona próxima de onde estaria Olivia Gimeno, de seis anos, que  foi encontrada morta três dias depois de desaparecer com o pai.

Nas últimas horas, o delegado do Governo das Canárias, Anselmo Pestana, pediu para que não se perdesse a esperança de encontrar Anna, prosseguindo-se a investigação. As novas provas encontradas poderão também levar as autoridades ao corpo do pai das meninas, que até ao momento ainda não foi recuperado.

O governante informou que a embarcação utilizada nas buscas por Anna e Tomás Gimeno continuarão na zona onde foi encontrada a primeira criança. Os investigadores dão conta de que foi também planeada uma vistoria no local onde as autoridades perderam o sinal de telemóvel de Tomás Gimeno, e onde apareceu o barco do homem, após analisadas as correntes marinhas, de forma a poder localizar os corpos.

Nesta altura os mergulhadores procuram tentar encontrar o cinto de chumbo que Tomás tera prendido aos corpos, para que afundassem no mar.

 

Ver comentários