Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

EUA acabam com uso de máscara obrigatório para pessoas totalmente vacinadas contra a Covid-19

Autoridades de saúde norte-americanas fizeram esta quinta-feira o anúncio.
Correio da Manhã e Lusa 13 de Maio de 2021 às 19:08
EUA acabam com uso de máscara obrigatório para pessoas totalmente vacinadas contra a Covid-19
EUA acabam com uso de máscara obrigatório para pessoas totalmente vacinadas contra a Covid-19 FOTO: Getty Images
Os Estados Unidos vão acabar com a obrigatoriedade de máscaras faciais para pessoas vacinadas, incluindo nalguns ambientes fechados, devido à evolução favorável do combate à pandemia de covid-19, uma mudança saudada pelo presidente Joe Biden. 

"Hoje é um grande dia para a América", disse Biden num discurso na Casa Branca, na zona exterior do Jardim das Rosas, em que anunciou a nova orientação.

Antes, os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) reviram as suas orientações para pessoas totalmente vacinadas, permitindo que estas deixem de usar máscaras ao ar livre em multidões e na maioria dos ambientes fechados.

Os Estados Unidos vão acabar com a obrigatoriedade de máscaras faciais para pessoas vacinadas, incluindo nalguns ambientes fechados, devido à evolução favorável do combate à pandemia de covid-19, uma mudança saudada pelo presidente Joe Biden. 

"Hoje é um grande dia para a América", disse Biden num discurso na Casa Branca, na zona exterior do Jardim das Rosas, em que anunciou a nova orientação.

Antes, os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) reviram as suas orientações para pessoas totalmente vacinadas, permitindo que estas deixem de usar máscaras ao ar livre em multidões e na maioria dos ambientes fechados.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Estados Unidos Covid-19 saúde
Ver comentários