Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Estados Unidos realizaram um ataque aéreo

EUA realizam ataque aéreo contra responsável dos 'shebab' na Somália
13 de Março de 2015 às 17:37
Ataque foi anunciado pelo Pentágono
Ataque foi anunciado pelo Pentágono FOTO: João Matias

Os Estados Unidos realizaram um ataque aéreo contra um alto responsável dos radicais islâmicos 'shebab' na Somália e estão a avaliar os resultados da operação, anunciou esta sexta-feira o Pentágono.

A operação, que não envolveu soldados norte-americanos no terreno, decorreu na quinta-feira numa estrada a sul de Mogadíscio e foi dirigida contra um "alvo de alto valor", declarou aos jornalistas um porta-voz do Pentágono, o coronel Steven Warren.

Um responsável do Departamento de Defesa indicou à agência France Presse que o ataque foi realizado por um 'drone' (avião não tripulado).

"Esta operação visou a rede 'shebab'", adiantou Warren, indicando que o Pentágono poderá dar informações adicionais "se e quando for apropriado".

O Pentágono recusou comentar informações de que o ataque teria visado um dos cérebros do ataque ao centro comercial Westgate, em Nairobi, em setembro de 2013, que causou 67 mortos.

Três pessoas morreram hoje e oito ficaram feridas no ataque a uma caravana oficial no nordeste do Quénia, perto da fronteira somali, segundo um responsável local, um atentado reivindicado pelos 'shebab'.

A caravana, que transportava o governador do condado de Madera, Ali Roba, foi atacada através de lança-roquetes perto da localidade de Madera, mas o governador não foi atingido, indicou à AFP um autarca de Madera, Elvis Korir.

Contactado pela AFP, Abdulaziz Abu Musab, porta-voz militar dos 'shebab', reivindicou a operação, afirmando que tinham sido mortas quatro pessoas e destruídos dois veículos.

Ver comentários