Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

EUA ameaçam Rússia com sanções "nunca antes vistas" em caso de ataque à Ucrânia

Biden exprimiu "a profunda preocupação" dos Estados Unidos e dos seus aliados face ao aumento de tropas russas na fronteira com a Ucrânia.
Lusa 8 de Dezembro de 2021 às 16:54
Putin recebeu a videochamada do presidente Joe Biden na sua residência de férias na estância balnear de Sochi, na costa do mar Negro, Sul da Rússia
Putin pede garantias a Biden
Putin recebeu a videochamada do presidente Joe Biden na sua residência de férias na estância balnear de Sochi, na costa do mar Negro, Sul da Rússia
Putin pede garantias a Biden
Putin recebeu a videochamada do presidente Joe Biden na sua residência de férias na estância balnear de Sochi, na costa do mar Negro, Sul da Rússia
Putin pede garantias a Biden
O Presidente dos Estados Unidos voltou esta quarta-feira a ameaçar o seu homólogo russo com sanções "como ele nunca viu antes", caso a Rússia ataque a Ucrânia, um dia após um encontro entre os dois chefes de Estado.

Joe Biden já tinha referido a Vladimir Putin, numa conferência virtual realizada na terça-feira entre os dois líderes, que a Rússia arrisca "fortes sanções, incluindo económicas" em caso de escalada militar na Ucrânia.

Biden exprimiu "a profunda preocupação" dos Estados Unidos e dos seus aliados face ao aumento de tropas russas na fronteira com a Ucrânia, segundo anunciou a Casa Branca, adiantando que Biden voltou a garantir apoio à soberania e integridade territorial da Ucrânia e defendeu que qualquer país deve poder "escolher livremente" a quem se associar.

Joe Biden Putin Rússia Ucrânia Estados Unidos política diplomacia
Ver comentários