Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Filho de Bolsonaro suspeito de usar parentesco para conseguir vantagens pessoais

Renan, de 23 anos, foi acusado de se ter hospedado em hotéis de luxo com diárias de até 416 euros em várias praias do Nordeste do Brasil.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 27 de Julho de 2021 às 09:13
Jair Bolsonaro com o filho 
mais novo, Jair Renan Bolsonaro
Jair Bolsonaro com o filho 
mais novo, Jair Renan Bolsonaro FOTO: Joedson Alves/EPA
Depois de o senador Flávio Bolsonaro ter sido acusado de corrupção pelo Ministério Público, outro filho de Jair Bolsonaro, Jair Renan, é suspeito de usar o parentesco com o presidente brasileiro para conseguir vantagens pessoais.

Renan, de 23 anos, foi acusado de se ter hospedado em hotéis de luxo com diárias de até 416 euros em várias praias do Nordeste do Brasil a troco de citações elogiosas nas redes sociais, aproveitando-se do apelido famoso.

O jovem é ainda investigado por tráfico de influências, por ter recebido um carro de uma empresa a quem terá facilitado o acesso ao governo do pai.

Ver comentários