Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Gabby Petito admitiu à polícia que o namorado lhe tinha batido

Vídeo das câmaras dos guardas captaram a confissão da jovem, cerca de duas semanas antes da última vez que contactou a família.
Correio da Manhã 1 de Outubro de 2021 às 09:37
A carregar o vídeo ...
Gabby Petito admitiu à polícia que o namorado lhe tinha batido
Gabby Petito admitiu à polícia que o namorado, Brian Laundrie, lhe tinha batido, alguns dias antes de ter desaparecido.

O incidente ocorreu a 12 de agosto, cerca de duas semanas antes da última vez que a jovem contactou a família, e foi gravado pela bodycam (câmara de videovigilância da farda dos polícias) de um agente da polícia de Moab, no estado de Utah, nos Estados Unidos. 

"Eu acho [que sim]. Mas eu bati nele primeiro", disse a jovem, que apresentava uma marca no rosto, após ser questionada pelas autoridades se Brian lhe tinha batido.

Gabby estava a chorar e contou ainda que o namorado a agarrou na cara e a marcou com as unhas. "Acho que é por isso que está assim, eu tenho um corte aqui. Posso sentir, quando toco, queima", disse apontando para a cara. "Ele ficou muito frustrado comigo, trancou-me do lado de fora do carro e disse-me para apanhar ar, mas eu não queria", contou.

Segundo a CNN, uma testemunha viu Brian a agredir a jovem e os dois a discutir "como duas crianças". A polícia dirigiu-se ao local após uma denúncia de agressão de um homem a uma mulher, à saída de uma mercearia, de acordo com o Daily Mail.

Gabby Petito foi dada como desaparecida pela família no dia 11 de setembro. A 17 de setembro, Brian também desapareceu depois de ter avisado os pais de que iria fazer uma caminhada.

O jovem, que é bastante experiente em técnicas de sobrevivência, está a ser procurado pelo FBI há mais de uma semana por ser considerado uma "pessoa de interesse" no desaparecimento da namorada. 

corpo de Gabby Petito foi encontrado no dia 19, na reserva natural de Bridger-Teton, no estado do Wyoming.
Gabby Petito Brian Laundrie questões sociais crime lei e justiça desaparecidos polícia
Ver comentários