Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Governo timorense exige vacinação ou teste negativo para acesso a serviços

Presidente da República decretou novo período de 30 dias de estado de emergência.
Lusa 27 de Outubro de 2021 às 15:55
Vacina xx
Vacina xx FOTO: Luís Guerreiro
Os cidadãos em Timor-Leste vão passar a ter que apresentar certificado de vacinação ou testes negativos à covid-19 para terem acesso a serviços públicos, no quadro do novo estado de emergência, anunciou o Governo.

A decisão, tomada em Conselho de Ministros, está refletida no decreto que implementa as medidas a aplicar entre os dias 30 de outubro e 28 de novembro, o novo período de 30 dias de estado de emergência decretado pelo Presidente da República.

Em comunicado, o executivo explica que as medidas foram definidas tendo em conta a situação epidemiológica do país.

Timor-Leste Governo política governo (sistema) executivo (governo) estado de emergência.
Ver comentários