Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Homem apanhado a urinar em lápide da ex-mulher todas as manhãs

Câmaras que captaram o momento foram colocadas pela família.
Correio da Manhã 26 de Setembro de 2022 às 11:16
Um homem foi "apanhado" a urinar na lápide da ex-mulher com quem tinha estado casado há 48 anos. As câmaras que captaram o momento foram colocadas pela família, que dizia encontrar diariamente urina e fezes junto ao local.

Linda Louise Torello morreu de cancro aos 66 anos de idade em 2017 e está enterrada num cemitério na Igreja Reformada de Tappan em Orangetown, Nova Iorque, EUA. 

De acordo com os filhos da mulher, "quase todas as manhãs" eram encontradas fezes e urina na lápide e o objetivo era "encontrar o culpado do comportamento terrível". Depois de verem as imagens, conseguiram identificar o homem como sendo o ex-marido de Linda, com quem ela foi casada durante um curto espaço de tempo e com quem não tinha tido contacto desde 1976.

"Temos semanas e meses de provas. Tem sido relatado à polícia e aos meios de comunicação social. Ninguém na minha família tem tido contacto com ele desde 1976, mais ou menos", explicou a família, citada pelo Mirror, acrescentando que não conseguem compreender como o homem encontrou o túmulo.

Michael e a sua irmã Renee Eichler Barragan obtiveram permissão da Igreja Reformada de Tappan para usar as câmaras ocultas para encontrar o agressor. A família também descobriu que a esposa do homem o acompanhava nas suas viagens matinais para a lápide.

Acredita-se que o colapso do primeiro casamento de Linda, com este homem, se deveu a uma queda.

Linda Louise Torello Igreja Reformada de Tappan em Orangetown questões sociais autoridades locais
Ver comentários