Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Homem removido da lista de transplante de coração por não ser vacinado contra a Covid-19

Pai do paciente disse que o filho não acredita na vacina contra a Covid-19.
Correio da Manhã 25 de Janeiro de 2022 às 20:49
 Homem removido da lista de transplante de coração por não ser vacinado contra a Covid-19
Homem removido da lista de transplante de coração por não ser vacinado contra a Covid-19 FOTO: Direitos Reservados/Facebook
Um homem de 31 anos foi removido da lista de transplante de coração de um hospital de Boston, nos EUA, por se recusar a tomar a vacina contra a Covid-19.

A família diz que ele era o primeiro da lista para receber o transplante no Hospital Brigham and Women's, mas já não é elegível devido a não ter sido vacinado, avançou o New York Post.

O pai do paciente disse que o filho não acredita na vacina contra a Covid-19.

"É meio contra os princípios básicos dele, ele não acredita nisso. É uma política que eles estão a aplicar e, como ele não vai tomar a vacina, eles tiraram-no da lista de transplante de coração", disse à CBS Boston.

O homem tem dois filhos e está à espera de um terceiro.

O Hospital Brigham and Women que as pesquisas mostram que quem recebe transplantes corre um risco muito maior de morrer de Covid-19 em comparação com pacientes não transplantados.

"Fazemos tudo o que podemos para garantir que um paciente que recebe um órgão transplantado tenha a maior chance de sobrevivência", disse um porta-voz ao The Post.

"A política do hospital, que exige que os destinatários sejam vacinados contra a Covid-19, está alinhada com muitos outros programas de transplante nos EUA", acrescentou.

A família do paciente está a pensar transferi-lo para outro hospital que não tenha a mesma política de vacinação, mas receia que ele já esteja demasiado fraco para ser transferido.
Covid-19 EUA Boston Hospital Brigham saúde doenças
Ver comentários