Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Homem saudável e em forma que era contra a vacinação da Covid-19 morre aos 42 anos com a doença

John Eyers morreu nos cuidados intensivos. Irmã descreve-o como o "homem mais saudável que conhecia".
4 de Agosto de 2021 às 16:31
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos
John Eyers tinha 42 anos

John Eyers tinha 42 anos e uma paixão por escalada. Era um homem saudável e em forma, pai de uma jovem de 19 anos, que se recusou a tomar a vacina contra a Covid-19. A irmã, Jenny McCann, recorreu esta segunda-feira às redes sociais para anunciar a morte de John, vítima da Covid-19, lançando um alerta para a importância da vacinação. 

De acordo com a mulher, o irmão acreditava que mesmo que fosse infetado, sofreria apenas com sintomas ligeiros da doença uma vez que não tinha qualquer problema de saúde e era um homem ativo e saudável. 

O especialista em construção de Southport, Inglaterra, foi descrito como "o homem mais saudável que conhecia". Quatro semanas antes de morrer, o irmão tinha estado a fazer escalada e a acampar nas montanha em Welsh. 

Após ter sido infetado com o coronavírus, John acabou por ter de ser ventilado. A irmã afirma que as últimas coisas que John lhe confessou foi que se arrependia de não ter sido vacinado. 

"Ele pensou que se ficasse com Covid-19, ficaria bem. Achou que teria uma doença leve. Ele não queria colocar uma vacina no corpo", disse McCann no Twitter.

Jenny lamenta a perda do irmão que deixa orfã uma jovem de apenas 19 anos e deixa os seus filhos sem o "tio divertido". Pede que a história do irmão possa levar alguns céticos a vacinarem-se e que isto possa servir para salvar vidas.

Jenny McCann Covid-19 saúde John Eyers
Ver comentários