Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Homem vence Covid-19 e ganha lotaria após 42 dias em coma

Aposta em grupo fez com que Rogerio ganhasse 110 mil euros.
Correio da Manhã 13 de Março de 2021 às 15:25
Lotaria
Lotaria FOTO: Antonello / Getty Images
Rogério Maria, de 51 anos, foi uma das milhares de pessoas que contrairam a Covid-19 em Campinas, no Brasil, tendo estado 68 dias internado, dos quais 42 em coma induzido. Mas a sorte bateu-lhe a porta no final do ano passado e o homem ganhou, através de uma aposta em grupo, a lotaria Mega-Sena da Virada, tendo cada um ganhado 732526 reais, que corresponde a cerca de 110 mil euros.

Depois de ter sido internado devido ao novo coronavírus, Rogério desenvolveu uma pneumonia e uma infeção bacteriana e 80% dos pulmões ficaram comprometidos, tendo ainda sofrido uma trombose generalizada. 

O homem voltou para casa com 27 quilos a menos, com queda de cabelo, perda de memória e lesões nos nervos periféricos das duas pernas, que impossibilitariam qualquer movimento por cerca de seis meses.

Solicitou ajuda monetária ao Instituto Nacional do Seguro Social mas foi-lhe negada. A justificação do órgão, segundo Rogério, foi que estaria apto a trabalhar, mesmo com o atestado de coma do hospital. Após novas tentativas, recebeu, até ao momento, apenas uma parte do valor a que supostamente tinha direito.

Em dezembro do ano passado, a família de Rogerio promoveu uma petição 'online' para ajudar nas despesas do tratamento e tentou a sorte, em grupo, ao preencher um boletim da lotaria, tendo acabado por ser surpreendida por acertar na chave. 

Apesar dos desafios que ainda tem de enfrentar, relativamente à recuperação, Rogerio voltou a sorrir. A capacidade pulmonar foi reestabelecida e conseguiu recuperar 13 quilos. O valor que ganhou da lotaria veio ajudar o homem a não perder a esperança.
Campinas Covid-19 Rogério Maria Brasil Rogerio Rogerio estilo de vida e lazer
Ver comentários