Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Iggy, o cão que morreu nos ataques de Estocolmo

Animal “trocou” a Irlanda pela Suécia em 2012.
12 de Abril de 2017 às 18:48
Iggy, o cão que morreu nos ataques de Estocolmo
Iggy, o cão que morreu nos ataques de Estocolmo
Iggy, o cão que morreu nos ataques de Estocolmo
Iggy, o cão que morreu nos ataques de Estocolmo
Iggy, o cão que morreu nos ataques de Estocolmo
Iggy, o cão que morreu nos ataques de Estocolmo

Iggy morreu no atentado de Estocolmo da semana passada que fez quatro mortos e 15 feridos. As homenagens às vítimas humanas não se fizeram esperar mas o animal também não foi esquecido. Flores e velas em memória de Iggy foram depositadas no local do ataque.

Sabe-se agora que o animal saiu de um abrigo na Irlanda em 2012, tendo sido adotado por uma família sueca. "As nossas orações estão com a família do Iggy. Eles amavam-no imenso e deram-lhe a melhor vida possível. Eles gostariam de ter privacidade neste momento triste e traumatizante", pode ler-se numa mensagem de homenagem deixada no Facebook da organização Dogs Aid.

Um camião atropelou vários pessoas que caminhavam numa rua movimentada do centro de Estocolmo, provocando pelo menos quatro mortos e quinze feridos, nove dos quais em estado considerado grave. 

Uma pessoa foi detida e confessou o ataque. Segundo o jornal sueco Aftonbladet, trata-se de um homem de 39 anos proveniente do Uzbequistão e que terá ligações com organizações terroristas online. Será, inclusive, seguidor do Daesh: na página pessoal na rede social Facebook mostra apoio a esta organização terrorista.
Facebook Iggy Dogs Estocolmo Irlanda Aid Uzbequistão Daesh terrorismo
Ver comentários