Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Incêndios devastam estâncias turísticas na Turquia

Centenas de turistas, incluindo muitos estrangeiros, tiveram de ser resgatados de barco após as chamas cercarem hotéis de luxo.
Ricardo Ramos 2 de Agosto de 2021 às 08:36
Calor e vento forte ajudam a propagar incêndios
Calor e vento forte ajudam a propagar incêndios FOTO: Erdem Sahin / EPA
Centenas de turistas tiveram de ser resgatados de barco na tarde e noite de sábado após os gigantescos incêndios florestais que há vários dias ardem sem controlo no Sudoeste da Turquia terem ameaçado hotéis de luxo nas conhecidas estâncias balneares de Marmaris, Manavgat e Bodrum.

Uma flotilha improvisada composta por navios da guarda costeira, barcos de pesca e iates privados retirou os turistas dos hotéis cercados pelas chamas. Um pescador a bordo de uma destas embarcações contou à imprensa que as chamas “avançaram com uma velocidade inacreditável”, descendo a encosta montanhosa e aproximando-se dos hotéis em cinco minutos. Apesar do pânico, os turistas e funcionários foram resgatados a tempo e a maior parte dos hotéis acabou por escapar às chamas.

Os incêndios que desde quarta-feira assolam o Sudoeste da Turquia já fizeram pelo menos oito mortos e mais de 500 feridos. Os meios no terreno foram entretanto reforçados com aviões da Rússia, Ucrânia, Irão e Azerbaijão, e até canhões de água da polícia foram usados no combate às chamas. Ao final da tarde, as autoridades já tinham conseguido controlar mais de uma centena de incêndios, mas pelo menos cinco continuavam ativos, precisamente aqueles que ameaçavam as zonas turísticas, que todos os anos atraem milhares de visitantes.
Manavgat Sudoeste da Turquia Marmaris Bodrum acidentes e desastres incêndios
Ver comentários