Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Jovem com doença de "Benjamin Button" morre aos 18 anos em corpo de 144

"Tens que me deixar ir", terão sido umas das últimas palavras da jovem para a mãe.
Correio da Manhã 21 de Julho de 2021 às 20:39
Ashanti Smith e a mãe Phoebe Louise Smith
Ashanti Smith e a mãe Phoebe Louise Smith FOTO: Direitos Reservados/ Facebook

A jovem Ashanti Smith, morreu aos 18 anos no último sábado, vítima da síndrome de Huntchinson-Gilford, uma doença rara de envelhecimento acelerado, geralmente chamada como "doença de Benjamin Button".

A jovem, do Reino Unido, morreu semanas depois de completar 18 anos, num corpo de uma pessoa de 144 e a mãe, Phoebe Louise Smith, prestou-lhe uma última homenagem, lembrando como era uma pessoa "brilhante" e "bonita", de acordo com o jornal Mirror.

Ashanti morreu ao lado dos pais e de uma grande amiga, de 25 anos. Algumas das suas palavras finais para a mãe terão sido "tens que me deixar ir".

"A vida de Ashanti foi uma alegria. Embora a progéria tenha afetado a sua mobilidade, não afetou mais nada", disse a mãe, Phoebe. "Ela era uma típica adolescente de 18 anos e eu adorava tudo nela. Ela era brilhante, ela era idiota. Dizia o que pensava e todos sabiam disso", recordou.

Benjamin Button Ashanti Smith Huntchinson-Gilford Phoebe Louise Smith questões sociais morte
Ver comentários