Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Mais de 10 mil crianças mortas ou feridas durante o conflito no Iémen

Dados das Nações Unidas representam quatro crianças mortas todos os dias, sublinha um porta-voz da UNICEF.
Lusa 19 de Outubro de 2021 às 12:29
Criança do Iémen
Criança do Iémen FOTO: Reuters
Dez mil crianças foram mortas ou feridas durante a guerra no Iémen desde março de 2015, quando a coligação militar dirigida por Riade iniciou a sua intervenção no conflito, afirmou esta terça-feira um porta-voz da UNICEF em Genebra.

"O conflito no Iémen acaba de ultrapassar uma marca vergonhosa, a de 10 mil crianças mortas ou feridas, desde o início dos combates em março de 2015. O que representa quatro crianças todos os dias", denunciou James Elder, que regressou recentemente de uma missão no país.

"É claro que estes são os números que as Nações Unidas podem confirmar", disse o porta-voz do Fundo das Nações Unidas para a Infância, sublinhando que existe um número muito maior de crianças mortas e feridas que não é conhecido "exceto pelas suas famílias".

Ver comentários