Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Mais de 40 pessoas vacinadas contra a Covid-19 por engano no Brasil. 28 são crianças

Enfermeira enviou, por engano, frascos da Coronavac para o local onde ocorria a campanha de vacinação contra a gripe.
Correio da Manhã 16 de Abril de 2021 às 14:24
vacina, coronavírus
vacina, coronavírus FOTO: Reuters

Uma troca de frascos fez com que 46 pessoas recebessem a vacina contra a Covid-19, a Coronavac, em vez do fármaco contra a gripe, num posto de vacinação em Itirapina, em São Paulo, no Brasil. Entre os vacinados estão 18 adultos, incluindo uma mulher grávida e 28 crianças. 

O infecciologista, Bernardino Souto, citado pelo portal G1, diz que ainda não há testes suficientes para determinar os efeitos da vacina Coronavac em crianças e grávidas e que, por isso, os pacientes que tomaram a vacina por engano devem ser acompanhados clinicamente.

Segundo a Secretária Municipal da Saúde de Itirapina, o erro foi detetado durante o controlo do stock das vacinas quando notaram a falta de 46 doses da Coronavac.

Uma enfermeira enviou, por engano, frascos da vacina Coronavac para o local onde ocorria a campanha de vacinação contra a gripe.

A Secretária da Saúde de Itirapina solicitou orientações sobre as medidas a serem adotadas.

"Todas as providências para a segurança dessas pessoas foram tomadas e, segundo a orientação dos médicos especialistas consultados, o acontecimento não traz riscos para a saúde dos envolvidos", afirmou a Prefeitura de Itirapina, numa nota informativa, citada  pelo portal G1.

Ainda segundo a prefeitura, todos os vacinados foram informados pessoalmente e a Secretaria de Saúde disponibilizou uma equipa médica para avaliação e orientação, com acompanhamento durante 14 dias.

Coronavac Covid-19 Itirapina São Paulo Brasil G1 saúde medicina preventiva questões sociais
Ver comentários