Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Mike Tyson aparece em cadeira de rodas e afirma que a sua morte está para "breve"

Antigo pugilista tem sofrido com uma crise ciática, uma condição médica relacionada com a lombar.
Correio da Manhã 16 de Agosto de 2022 às 20:49
Mike Tyson foi fotografado de cadeira de rodas
Recentemente chocou os fãs ao afirmar que a sua morte estaria para 'chegar muito em breve'
Mike Tyson foi fotografado de cadeira de rodas
Recentemente chocou os fãs ao afirmar que a sua morte estaria para 'chegar muito em breve'
Mike Tyson foi fotografado de cadeira de rodas
Recentemente chocou os fãs ao afirmar que a sua morte estaria para 'chegar muito em breve'

Mike Tyson, de 56 anos, foi esta terça-feira fotografado numa cadeira de rodas no Aeroporto de Miami, nos EUA, depois de recentemente ter chocado os fãs ao afirmar que a sua morte estaria para "chegar muito em breve". 

O antigo pugilista sofre de uma crise ciática, uma condição médica relacionada com a lombar, que o ex-atleta diz ser um "problema antigo", de acordo com o Daily Mail. No passado mês de julho, Tyson já tinha sido fotografado enquanto usava uma bengala.

Mike Tyson já disse anteriormente que foram as dores nas costas que o levaram a abandonar o boxe, nomeadamente uma grave crise, em 2020, que o deixou de cama durante duas semanas. 

Tyson lutou como atleta profissional pela primeira vez em 1985, tendo derrotado Hector Mercedes quando tinha apenas 18 anos. Rapidamente ganhou fama pelo seu estilo feroz e intimidante e foi o primeiro pugilista a deter simultaneamente os títulos da WBA, WBC e IBF.

O ex-pugilista esteve ainda preso durante três anos pela violação sexual da modelo Desiree Washington, em julho de 1991. Em 2003, declarou falência, apesar de ter ganho mais de 300 milhões de dólares (mais de 295 milhões de euros) ao longo da sua carreira. 


Mike Tyson Aeroporto de Miami EUA desporto boxe economia negócios e finanças
Ver comentários