Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Militares dos Estados Unidos negociaram acordo secreto com talibãs

Talibãs escoltaram grupos de norte-americanos até aos portões do aeroporto de Cabul enquanto tentavam escapar do Afeganistão.
Correio da Manhã 31 de Agosto de 2021 às 18:34
Avião C-17 dos EUA no aeroporto de Cabul
Avião C-17 dos EUA no aeroporto de Cabul FOTO: Direitos Reservados
Os militares dos Estados Unidos negociaram um acordo secreto com os talibãs para a retirada de Cabul. Com este acordo, os talibãs escoltaram grupos de norte-americanos até os portões do aeroporto da capital afegã durante o processo de retirada das tropas norte-americanas do Afeganistão, segundo avançam dois oficiais de defesa citados pela CNN.

De acordo com um destes oficiais, terá sido montado um "portão secreto" no aeroporto e "centros de atendimento" para orientar os norte-americanos durante o processo de retirada.

Os que queriam sair do país foram notificados para se dirigirem a "pontos de encontro" perto do aeroporto e seriam orientados pelos talibãs que reuniram americanos, verificam as suas credenciais e levaram-nos a uma curta distância até um portão guarnecido por forças americanas prontas para deixá-los entrar entre enormes multidões de afegãos que procuravam fugir.

Durante o processo, funcionários do governo de Joe Biden enfatizaram que os talibãs estavam a cooperar e altos funcionários afirmaram que se comprometeram a fornecer "passagem segura" para os norte-americanos.

Não é claro se os talibãs que estavam a verificar as credenciais rejeitaram algum dos americanos.
Cabul Estados Unidos Afeganistão CNN distúrbios guerras e conflitos política diplomacia negociações de paz
Ver comentários