Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Ministro do Interior nomeado chanceler da Áustria

Karl Nehammer assume chefia do executivo depois de o Partido Popular Austríaco o eleger para a liderança.
Francisco J. Gonçalves 4 de Dezembro de 2021 às 09:44
Karl Nehammer
Karl Nehammer FOTO: LISI NIESNER/Reuters
A Áustria pôs esta sexta-feira fim a um dia de drama político com a nomeação do ministro do Interior, Karl Nehammer, para a chefia do governo. A nomeação surge após demissão do chanceler Alexander Schallenberg, na quinta-feira, depois de Sebastian Kurz, líder do Partido Popular Austríaco (ÖVP) e seu antecessor no cargo, causar surpresa ao anunciar o abandono da vida política. O motivo terá sido a investigação por corrupção de que é alvo.

O ÖVP respondeu de imediato à decisão de Schallenberg, que se demitiu por considerar que o chefe de governo deveria ser o sucessor de Kurz na liderança do partido. Em decisão urgente, o ÖVP nomeou Nehammer, que por isso assume também a chancelaria, ante a concordância dos Verdes, parceiros de coligação governativa dos populares.

Ex-militar de 49 anos, Nehammer tem sido o rosto da política espartana de controlo da imigração delineada por Kurz que foi, aliás, quem o levou para o governo, oferecendo-lhe o primeiro cargo num executivo.

Nehammer sobreviveu em 2020 a um escândalo, quando foi responsabilizado pelo atentado jihadista de 2 de novembro, em Viena. Devido a uma série de erros, o autor do ataque, Kutjim Fejzulai, simpatizante conhecido do Daesh, não foi detido depois de tentar comprar munições para uma arma automática. Seria morto depois de balear mortalmente quatro pessoas e ferir 23 outras.
Ver comentários