Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Moeda portuguesa de ouro rara encontrada no Reino Unido num turismo rural

Objeto vai ser leiloado e está avaliado num valor entre os 20 e 30 mil euros.
Lusa 23 de Setembro de 2022 às 19:38
Leilão
Leilão FOTO: Getty Images
Um exemplar raro da moeda de ouro portuguesa do século XV que Vasco da Gama levou para a Índia foi encontrada no Reino Unido por um praticante amador de 'detetorismo', e vai ser vendida em leilão. 

Esta foi a primeira vez que um "Português", com o valor de 10 cruzados, foi encontrado em território britânico e está avaliado em entre 20.000 e 30.000 libras (22.400 e 33.600 euros) pela leiloeira Noonans de Londres. 

A moeda foi encontrada no início de julho por Mick Edwards, de 62 anos, num turismo rural em Etchilhampton, cerca de 150 quilómetros oeste de Londres, proximo da cidade de Bath, onde estava a celebrar os 35 anos de casamento.

Este funcionário público estava a testar o detetor de metais num campo antes do pequeno-almoço, às 06:00, quando recebeu um sinal e após escavar um buraco de 25 centímetros encontrou a moeda de ouro, que tem 36 milímetros de diâmetro e pesa cerca de 35 gramas. 

"Fiquei estupefacto e fiquei sentado a olhar para a moeda incapaz até de respirar. Consegui ver a cruz na moeda e pensei que era provavelmente espanhola, mas mais tarde descobri que era portuguesa do rei chamado Manuel", contou, citado num comunicado da leiloeira.

Segundo a Casa da Moeda, o Português de D. Manuel I foi a moeda portuguesa de maior circulação mundial devido à importância do país em termos comerciais na época. 

Cunhado em ouro quase puro, o Português terá sido uma das moedas que Vasco da Gama levou nas naus para a Índia e provavelmente também foi produzida com ouro trazido para Portugal das viagens a África e Índia. 

Nigel Mills, especialista da Noonans, disse que "em Inglaterra, nessa altura, a maior moeda de ouro era um Soberano que pesava 15,3 gramas, pelo que esta moeda é mais do dobro do peso, pelo que teria um valor superior a duas libras".

Foi a primeira vez que um exemplar de um Português de Manuel I foi encontrada no Reino Unido, o que também surpreendeu Javier Salgado, numismata e fundador da Nunisma Leilões há 47 anos. 

"É muito rara. Não tenho informação de ter aparecido outra assim fora de Portugal", disse à Agência Lusa, prevendo que atraía licitações de colecionadores acima da estimativa mais alta, devido ao bom estado de conservação. 

Uma ressalva é feita devido a uma cavidade que afeta os dois lados da moeda, que a leiloeira britânica acredita ser uma marca feita por punção para atestar se era feita de ouro puro. 

A moeda vai a leilão em 29 de setembro, no âmbito de uma venda de moedas e medalhas históricas da Noonans, e o 'detetorista' Mick Edwards pretende partilhar a receita com o proprietário da quinta onde a encontrou. 

Ver comentários