Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Mulher de Bolsonaro pede jejum de 12 horas a apoiantes

Objetivo é "livrar" o Brasil das "fraudes" e das pessoas corruptas que "pilharam" o país.
Lusa 29 de Setembro de 2022 às 10:06
Michelle Bolsonaro
Michelle Bolsonaro
Michelle Bolsonaro
Michelle Bolsonaro
Michelle Bolsonaro
Michelle Bolsonaro
A primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, apelou aos apoiantes do chefe de Estado para fazerem um jejum de 12 horas para "livrar" o Brasil das "fraudes" e das pessoas corruptas que "pilharam" o país.

Fervorosa evangélica, a mulher do Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, partilhou na quarta-feira um vídeo nas redes sociais no qual apela aos fiéis para praticarem jejum entre a meia-noite de quarta-feira e o meio-dia desta quinta.

"Vamos implorar a Deus que nos livre dos corruptos que saquearam o nosso país. Vamos clamar por justiça, para nos libertar das fraudes e declarar um novo tempo de prosperidade nunca antes visto na nossa nação", ouve-se num dos fragmentos do vídeo partilhado pela primeira-dama juntamente com a legenda "Choro e jejum pela nossa nação".

Brasil Michelle Bolsonaro política
Ver comentários