Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Nova Zelândia pretende banir o tabaco no país até 2025

País quer tornar proibida a venda de tabaco a qualquer pessoa que tenha nascido depois de 2004.
Correio da Manhã 16 de Abril de 2021 às 12:22
Tabaco
Tabaco FOTO: Getty Images

A Nova Zelândia pretende tornar proibida a venda de tabaco a qualquer pessoa que tenha nascido depois de 2004 de forma a tornar ilegal o consumo de tabaco para essa geração, avança o The Guardian.

O objetivo está inserido num conjunto de medidas como a proibição de venda de filtros bem como o estabelecimento de um preço mínimo para o tabaco de forma a atingir o objetivo do país de banir o tabaco, completamente, em 2025.

A ministra da saúde da Nova Zelândia,  Ayesha Verrall, disse, esta quinta-feira, que "cerca de 4500 neozelandeses morrem todos os anos por causa do tabaco, e precisamos fazer um progresso acelerado para poder alcançar essa meta [do Smokefree 2025]. Negócios como de costume, sem um programa de controle do tabagismo, não nos levarão lá".

Segundo o The Guardian, várias organizações de saúde apoiaram a decisão do governo, uma vez que o tabaco é responsável por uma em cada quatro mortes no país e que cerca de meio milhão ne cidadãos da Nova Zelândia fumam diariamente.

Nova Zelândia The The economia negócios e finanças indústria transformadora
Ver comentários