Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Pai morde filha bebé de quatro meses até à morte. Criança não parava de chorar

Menina foi levada para o Alder Hey Children's Hospital, em Liverpool, onde morreu três dias depois.
Correio da Manhã 1 de Agosto de 2021 às 01:43
Bebé
Bebé FOTO: Getty Images
Um homem foi condenado por morder a sua filha bebé de quatro meses até à morte para a fazer parar de chorar. Jordan Lee, de 29 anos, ficou a cuidar da criança, enquanto a mãe da bebé estava a trabalhar.

Vizinhos relataram em tribunal que ouviram a menina a chorar e, de repente, a casa ficou silenciosa. O pai afirmou que a bebé tinha sofrido ferimentos depois de cair do sofá enquanto ele jogava consola, mas foi revelado por um patologista do Home Office que a morte do bebé foi uma consequência direta de um traumatismo cranioencefálico, avançou o site Daily Star.

A polícia disse que a criança também sofreu hematomas na orelha, rosto e braço enquanto Lee realizava uma "série horrível de agressões" contra a filha.

Com ferimentos, a menina foi levada para o Alder Hey Children's Hospital, em Liverpool, onde morreu três dias depois.

Jordan Lee questões sociais morte criança menina
Ver comentários