Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Pelo menos 18 navios presos no gelo depois de Oceano Ártico congelar inesperadamente

Capitão de um dos navios garante que a tripulação tem mantimentos suficientes para esperar uma semana para ser retirada do gelo.
Correio da Manhã 23 de Novembro de 2021 às 16:39
Pelo menos 18 navios presos no gelo depois do Oceano Ártico congelar inesperadamente perto da Rússia
Pelo menos 18 navios presos no gelo depois do Oceano Ártico congelar inesperadamente perto da Rússia FOTO: Getty Images

Pelos menos 18 navios de carga ficaram presos depois de o Oceano Ártico ficar totalmente congelado de forma inesperada perto da costa da Rússia. 

O jornal Independent avança que o gelo tem, neste momento, até 30 centímetros de espessura desde que se formou. 

As empresas dos navios de carga foram apanhadas de surpresa pelo congelamento precoce e podem agora ter que esperar dias até serem retirados do local. 

O capitão de um dos navios, Viktor Gil, contou que a situação é "bastante terrível", mas garante que a tripulação tem mantimentos suficientes para esperar pelo momento em que serão retirados do gelo, daqui a mais ou menos uma semana. 

No passado, o clima mais quente causado pelas mudanças climáticas permitia que os navios cruzassem partes da rota marítima do norte da Rússia em novembro sem incidentes. Este ano, não foi bem assim.

Oceano Ártico Rússia ambiente recursos naturais gelo
Ver comentários