Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

"Precisamos de ajuda imediatamente": Pânico na chamada para o 112 após disparo fatal de Alec Baldwin

Assistente de realização entregou a arma ao ator e disse que a arma estava "fria", ou seja, sem balas.
Correio da Manhã 23 de Outubro de 2021 às 13:24
Alec Baldwin disparou uma arma de adereço que não devia estar carregada, de acordo com a polícia
Alec Baldwin disparou uma arma de adereço que não devia estar carregada, de acordo com a polícia FOTO: Reuters
Foram reveladas as chamadas feitas para o número de emergência pela equipa de filmagem de "Rust" depois de o ator Alec Baldwin ter matado acidentalmente Halyna Hutchins.

As gravações revelaram o pânico da supervisora do filme, Mamie Mitchell, enquanto tentava pedir ajuda: "Precisamos de ajuda imediatamente. Duas pessoas foram baleadas acidentalmente num set de filmagem".


Ao mesmo tempo é possível ouvir outro membro da equipa a culpar um colega pelo facto de a arma estar carregada, avançou o The Sun.

"Esse maldito assistente de realização que gritou comigo na hora de almoço devia verificar as armas, ele é o responsável", ouve-se na gravação. 

A arma que Alec Baldwin disparou esta quinta-feira durante a filmagem do filme "Rust" foi entregue carregada ao ator, de acordo com um mandado da investigação policial em andamento.

O mandado diz que um assistente de realização entregou a arma ao ator e disse que a arma estava "fria", o que significa que não estava carregada.

Pelo que se sabe, o assistente de direção desconhecia que a arma tinha balas.

O ator norte-americano Alec Baldwin matou acidentalmente a diretora de fotografia do filme que estava a rodar, ao disparar uma arma de adereço que não devia estar carregada, afirmou esta sexta-feira a polícia local.

A vítima mortal foi identificada como Halyna Hutchins, de 42 anos, tendo os disparos ferido também o diretor do filme, Joel Souza, de 48, que foi admitido na unidade de cuidados intensivos do centro médico Christus St. Vincent, nos arredores de Santa Fé, no estado do Novo México, sudoeste dos Estados Unidos.

 






Alec Baldwin Halyna Hutchins crime lei e justiça crime polícia acidente
Ver comentários