Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Putin diz que não estar surpreendido por Biden lhe chamar de "assassino"

Governante russo comparou o presidente dos EUA com Donald Trump, num momento em que as relações entre os países estão no nível mais baixo dos últimos anos.
Correio da Manhã 11 de Junho de 2021 às 23:19
Putin
Putin
O presidente russo, Vladimir Putin, revelou esta sexta-feira, em entrevista à NBC que não está preocupado com o faco de Joe Biden o ter chamado de "assassino".

"Ao longo da minha gestão, acostumei-me a ataques de todos os ângulos e de todos os tipos de áreas, sob todos os tipos de pretextos e razões e de diferentes calibres e não me surpreende [que Biden me tivesse chamado assassino]", disse Putin.

O governante russo comparou o atual presidente dos EUA com Donald Trump, num momento em que as relações entre a Rússia e os EUA estão no nível mais baixo dos últimos anos.

"Acredito que o ex-presidente dos Estados Unidos, o Sr. Trump, é um indivíduo extraordinário, talentoso, caso contrário ele não teria se tornado presidente", disse Putin.

Sobre Biden, revelou que "é radicalmente diferente de Trump porque é um homem de carreira. Ele passou praticamente toda a sua vida adulta na política".

Joe Biden Donald Trump Vladimir Putin NBC política eleições
Ver comentários