Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Queda de teleférico faz 14 mortos em Itália. Menino de cinco anos é o único sobrevivente

Duas crianças de 5 e 9 anos sobreviveram, mas a mais velha acabou por não resistir aos ferimentos.
Ricardo Ramos 24 de Maio de 2021 às 09:01
Cabina do teleférico ficou completamente destroçada. Acidente ocorreu num local de difícil acesso
Cabina do teleférico ficou completamente destroçada. Acidente ocorreu num local de difícil acesso
Cabina do teleférico ficou completamente destroçada. Acidente ocorreu num local de difícil acesso
Pelo menos 14 pessoas morreram e uma criança ficou este domingo gravemente ferida na queda de um teleférico junto ao lago Maggiore, nos Alpes italianos. A rutura de um cabo de sustentação terá estado na origem do trágico acidente.



Segundo as autoridades italianas, a cabina, que transportava um total de 15 pessoas, caiu de uma altura de cerca de 20 metros, ficando completamente destroçada. O acidente ocorreu numa zona montanhosa de difícil acesso, o que complicou as operações de resgate.

Duas crianças, de 5 e 9 anos, foram resgatadas com vida dos destroços e transportadas de helicóptero para o hospital com múltiplas fraturas, mas a mais velha acabou por falecer. A identidade e nacionalidade das vítimas mortais não foram imediatamente divulgadas.

O teleférico une a localidade turística de Stressa, junto ao lago Maggiore, ao topo da montanha de Mottarone, 1500 metros acima do nível do mar. O trajeto, de cerca de cinco quilómetros, demora cerca de vinte minutos a fazer e a cabina tem capacidade para transportar 40 pessoas. O acidente ocorreu já perto do topo da montanha, junto a um pilar de sustentação da estrutura.

O teleférico, que tem duas linhas, cada uma servida por uma cabina, entrou em funcionamento em 1970 e esteve fechado entre 2014 e 2016 para renovação. Tinha reaberto recentemente após ter estado vários meses encerrado devido à pandemia.
Itália Maggiore Alpes acidentes e desastres salvamento / busca acidente (geral)
Ver comentários