Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Rei de Espanha perde popularidade

O príncipe Felipe tem um nível de aprovação, junto dos cidadãos espanhóis, superior ao do seu pai, o rei Juan Carlos.

7 de Abril de 2013 às 11:54
Rei Juan Carlos
Rei Juan Carlos FOTO: EPA/BALLESTEROS/POOL

A valoração da figura do rei junto dos cidadãos espanhóis caiu a pique nos últimos meses, segundo os resultados de uma sondagem da Metroscopia revelada pelo jornal 'El País'. O inquérito foi realizado antes de ser conhecida a presumível implicação da infanta Cristina no caso de corrupção que envolve o marido, Iñaki Urdangarin, na gestão do Instituto Nóos.

Pela primeira vez, a nota atribuída ao rei Juan Carlos é negativa e bastante abaixo da que lhe fora dada pelos espanhóis no ano passado, após o episódio da polémica caçada de elefantes no Botwasna, onde esteve acompanhado da alegada amante, a princesa alemã Corinna Zu Sayn-Wittgenste

No passado mês de Dezembro, a nota atribuída ao rei (resultante da diferença entre os que aprovam e os que não aprovam o exercício das suas funções) era de 21 pontos e agora é de 11 pontos negativos.

De acordo com a sondagem da Metroscopia, o rei Juan Carlos perdeu mais apoio entre os votantes do PSOE e entre os mais jovens, com menos de 35 anos. Pelo contrário, os maiores de 55 – que recordam o papel do rei na defesa da democracia e no episódio 23-F – mantém o seu apoio à monarquia.  

Quanto ao Príncipe Felipe, apesar de ter mais apoiantes do que o seu pai, vê a nota baixar de 37 para 28. Os cidadãos mais velhos são também os que mais apoiam o herdeiro de Juan Carlos, mas os jovens também dão nota positiva ao marido de Letizia.

Ver comentários