Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Ronnie Tutt, baterista de Elvis e outros músicos norte-americanos, morre aos 83 anos

Artista morreu em casa, rodeado pela família.
Lusa 18 de Outubro de 2021 às 07:06
Ronnie Tutt
Ronnie Tutt FOTO: Getty Images
Ronnie Tutt, o lendário baterista que durante anos acompanhou Elvis Presley e outras estrelas da música, desde John Cash a Stevie Nicks, morreu aos 83 anos, informou no domingo a família.

Numa mensagem na rede social Facebook emitida na manhã de domingo, Terie Tutt escreveu que o seu pai morreu em casa, rodeado pela família.

"É com profunda tristeza que a minha família e eu partilhamos a perda no nosso querido pai", escreveu Terie Tutt. "O Lendário Baterista, Ronnie Tutt, 'terminou a sua atuação'".

A Elvis Presley Enterprises assinalou a morte de Tutt numa declaração emitida no sábado. O grupo que dirige Graceland recordou as atuações de Tutt com Elvis entre 1969 e 1977, o ano da morte do famoso músico.

"Além de ser um lendário baterista, era um bom amigo de muitos de nós em Graceland", indicou a empresa no comunicado.

"Tivemos sempre bons momentos quando se juntava a nós para celebrar a 'Elvis Week, 'Elvis Birthday' e muitas outras ocasiões especiais. Ronnie era um espantoso embaixador do legado de Elvis -- ao partilhar com os fãs as suas memórias do trabalho com Elvis -- e ainda divulgando a música de Elvis pelos palcos do mundo", acrescentou.

Além de Elvis, Tutt atuou com alguns dos nomes mais famosos do meio musical norte-americano, efetuando digressões com a banda de Neil Diamond ou acompanhando no palco Cash, Nicks, Glen Campbell, Kenny Rogers, Elvis Costello, Michael McDonald e outros, recordou a Elvis Presley Enterprises.

Ver comentários