Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Talibãs enviam carta a Guterres para que porta-voz do grupo seja ouvido como 'embaixador' na ONU

Amir Khan Muttaqi endereçou missiva, pedindo que Suhail Shaheen seja ouvido como representante do país.
Pedro Zagacho Gonçalves(pedrogoncalves@cmjornal.pt) 21 de Setembro de 2021 às 22:23
Suhail Shaheen, porta-voz dos talibãs
Suhail Shaheen, porta-voz dos talibãs FOTO: Reuters
Os talibãs pediram às Nações Unidas para discursarem na Assembleia Geral da organização, através do seu porta-voz, Suhail Shaheen, na qualidade de 'embaixador' afegão.

Segundo a Reuters o grupo fez o pedido numa carta enviada a António Guterres, endereçada pelo ministro dos Negócios Estrangeiros talibã, Amir Khan Muttaqi, que pediu que o representante fale aos líderes mundiais na Assembleia Geral que decorre até à próxima segunda-feira.

O porta-voz de Guterres, Farhan Haq, confirma a missiva enviada. Caso seja aceite o pedido, haverá um confronto entre o embaixador do Afeganistão que está neste momento em Nova Iorque para o encontro na ONU, representando o governo que caiu com a ação dos talibãs.

Guterres já disse que o desejo dos talibãs de "reconhecimento internacional" é a única cartada que outros países têm para os pressionar a um governo inclusivo e que respeite os direitos humanos, particularmente das mulheres, no Afeganistão.

Ver comentários