Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Tempestades de poeira em Marte aceleraram perda de água, avançam estudos

A água em Marte, que terá sido abundante, só existe sob a forma de gelo ou gás devido à baixa pressão atmosférica.
Lusa 22 de Março de 2021 às 17:59
Superfície de Marte
Superfície de Marte FOTO: Twitter
As tempestades de poeira em Marte terão acelerado a perda de água no planeta, concluem dois estudos esta segunda-feira divulgados pela Agência Espacial Europeia (ESA).

Segundo os estudos, citados em comunicado pela ESA, Marte terá perdido uma camada de água de dois metros de profundidades a cada mil milhões de anos, mas ainda hoje, apesar de inóspito, vaza pequenas quantidades remanescentes na sua atmosfera.

Atualmente, a água em Marte, que terá sido abundante, só existe sob a forma de gelo ou gás devido à baixa pressão atmosférica.

ESA Marte Agência Espacial Europeia ciência e tecnologia questões sociais Investigação científica poeira
Ver comentários