Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Tiktoker brasileira criticada por dançar ao lado da mãe internada com cancro terminal

Stephanie, de 19 anos, afirma que o vídeo foi uma forma de tranquilizar a mãe durante um momento difícil.
Correio da Manhã e A.M.P. 27 de Janeiro de 2022 às 21:03
Tiktoker brasileira criticada por dançar ao lado da mãe internada com cancro terminal
Tiktoker brasileira criticada por dançar ao lado da mãe internada com cancro terminal FOTO: Direitos Reservados/TikTok
Stephanie Mecco, de 19 anos, gravou uma dança para a rede social Tiktok ao lado da mãe internada no hospital com um cancro terminal, no Brasil. 

A jovem brasileira publicou o vídeo em homenagem à mãe quando esta faleceu. O vídeo viralizou e Stephanie ganhou milhares de seguidores nas redes sociais, avançou o G1.

Mas nem todas as reações foram positivas. Alguns utilizadores comentaram o vídeo a chamar a jovem de "psicopata" e "desprezível" por interpretarem que esta estaria a tentar conquistar seguidores à custa da morte da mãe.

Para Stephanie, a reação negativa foi injusta. "Não consigo ver nenhuma maldade ali. Era um momento meu e dela em que tentei fazer de tudo para fazer com que ela ficasse mais calma. A gente enchia a nossa mãe de beijo e falava que ela ficaria boa logo. O vídeo foi só mais uma forma de descontrair", afirma a jovem ao G1.

A menina acrescentou ainda que a mãe consentiu com a gravação do vídeo. "No começo da pandemia, ela incentivou-me a publicar vídeos no TikTok, porque dizia que eu dançava muito bem, e isso deu-me forças", acrescenta.




Stephanie Mecco Tiktoker Tiktok Brasil cancro doença hospital dança critica redes sociais
Ver comentários