Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Vencedora do Euromilhões oferece mais de um milhão de euros a cada familiar antes de morrer

Irlandesa ganhou o prémio de cerca de 30 milhões de euros, em 2013, quando estava desempregada.
Correio da Manhã 4 de Setembro de 2021 às 22:45
Euromilhões
Euromilhões FOTO: Getty Images
Margaret Loughrey, vencedora irlandesa do Euromilhões, ofereceu a cada familiar um milhão de libras (mais de um milhão de euros) antes de morrer. Foi encontrada morta na sua casa esta quinta-feira, pouco depois de ter acabado de construir a sua casa de sonho. 

Em 2013, Margaret Loughrey estava desempregada. De um dia para o outro tornou-se milionária. G
anhou um prémio de quase 27 milhões de libras, cerca de 30 milhões euros, um dos maiores prémios de sempre a ser ganho na Irlanda. 

No dia em que comprou o bilhete Margaret tinha ido buscar uma aplicação para um trabalho numa organização de caridade. "Levantei-me na quarta de manhã e verifiquei o bilhete. Cinco números, duas estrelas e dias felizes", disse em entrevista à BBC há oito anos. Quando ganhou o prémio disse que pretendia partilhar o dinheiro com a família e os amigos. "Não serve de nada ter 27 milhões e ser solitária. O que me pode fazer feliz é que todos estejam felizes", acrescentou. 

Paul Gallagher, um vizinho e vereador local, disse ao jornal Belfast Telegraph que Margaret Loughrey tinha acabado de remodelar uma casa abandonada, que transformou na sua casa de sonho. Refere que esta não procurava exibir-se. "Um grupo da comunidade estava a passar grandes dificuldades e precisava de financiamento e ela ajudou-os, mas ninguém sabe disso", acresentou. 

O vereador disse ainda que ganhar o prémio lhe trouxe boa e má exposição. Em 2019, numa entrevista ao Sunday Life, Margaret Loughrey afirmou que o dinheiro destruiu a sua vida. 

A polícia diz não estar a tratar a sua morte como "suspeita", mas vai ser realizada uma autópsia para determinar a causa do óbito.
Margaret Loughrey Euromilhões Irlanda
Ver comentários