Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
6
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

António Sousa Homem

A quarentena da Tia Benedita

Depois de uma semana em isolamento bracarense, a minha sobrinha Maria Luísa aproveitou uma brecha depois da Páscoa e veio para Moledo onde a "quarentena" é, neste eremitério governado por Dona Elaine, uma espécie de regime permanente, se retirarmos as pequenas caminhadas que pratico sob prescrição da Dra. Teresa, a minha médica de Venade

António Sousa Homem 26 de Abril de 2020 às 00:30
Ela assegura que andar a pé combate o colesterol, os males de rins, as anomalias coronárias, os problemas respiratórios e até a ameaça do reumatismo ou os abismos da preguiça. Com esta medicina, não compreendo como não há, espalhados pelos atalhos dos bosques do Alto Minho, Matusaléns a preparar-se para a eternidade – mas vou cumprindo o dever, descendo a rua até ao largo onde estão fechados os cafés da praia e regressando pela mesma via antes que a chuva se abata, nas palavras de certo poeta, sobre a "quieta melancolia dos pinheiros do caminho" – versos que o velho Doutor Homem, meu pai, citava para significar que não tinha ambições literárias.



Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas