Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
3
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Carla Pinto

Trabalho indigno

Quanto tempo - e o que será preciso - para resolver esta indignidade?

Carla Pinto 10 de Julho de 2022 às 00:30
Agora que se fala na agenda do trabalho digno, temo dizer que, na PJ, há muito que nos habituámos à remuneração indigna do trabalho suplementar. Quer seja no valor do piquete (24 horas contínuas de trabalho) cujo valor-hora varia entre os 3,6 € (piquete de sábado para um Inspetor) e os 6,85 € (a um dia de semana), quer seja por mera realização do serviço de prevenção (todo o que é, de facto, realizado após o horário normal) e cujo pagamento pode ser calculado de formas distintas ou, até, nem ser pago de todo.



Ver comentários