Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
2
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

Diana Ramos

A próxima dor de cabeça

A verdadeira dor de cabeça para o País e para o Governo são as linhas de crédito garantidas pelo Estado atribuídas no âmbito da Covid-19.

Diana Ramos 2 de Julho de 2021 às 00:31
Muito se tem falado do tsunami que o fim das moratórias poderá gerar no sistema bancário português, mas os números mais recentes do Banco de Portugal dão algum nível de tranquilidade nesta matéria.

É certo que ainda existem 38,5 mil milhões de euros de financiamento em moratória – uma boa parte , no valor de 22 mil milhões de euros, relativo a créditos de empresas –, mas o dinheiro posto de parte pelos bancos para fazer face à crise ajudará a mitigar o efeito do fim deste mecanismo.



Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso sem limites em todos os dispositivos Assinatura válida na APP Correio da Manhã Newsletters exclusivas E-paper antecipado no Quiosque Ofertas e descontos do Clube CM+
Assine já! 1€ no 1º mês
Ver comentários